sábado, 17 de dezembro de 2011

E ASSIM FICAREMOS PARA SEMPRE COM O SENHOR


Texto: 1Ts 4.16,17 - Porque haverá o grito de comando, e a voz do arcanjo, e o som da trombeta de Deus, e então o próprio Senhor descerá do céu. Aqueles que morreram crendo em Cristo ressuscitarão primeiro.  Então nós, os que estivermos vivos, seremos levados nas nuvens, junto com eles, para nos encontrarmos com o Senhor no ar. E assim ficaremos para sempre com o Senhor.

Introdução: A palavra eternidade ocorre em textos como Is 57.15 “O que habita a eternidade”, frase que na Nova Tradução na Linguagem de Hoje é vertida desta maneira: “O que vive para sempre”. A palavra “eterno” significa literalmente “longo tempo” e esta idéia  de “um tempo” ou de “tempo indefinido” constitui-se a base da significação da perpetuidade nas expressões hebraicas e gregas. No AT as palavras traduzidas por “eterno”, “perpétuo”, “para sempre” e “para todo o sempre”, são aplicadas primeiramente a Deus, depois ao Seu modo de proceder em relação aos homens, Sua misericórdia, Seu pacto, Seu reino, etc. No NT emprega-se a palavra que no grego significa “idade” em várias frases, para exprimir “longa idade”, “tempos sem fim”. Com referência ao passado, o termo significa “desde todos os tempos” e com referência ao futuro, “até os tempos dos tempos” ou “em todas as gerações, para todo sempre”, como no texto de Efésios 3.21: “Glória a Deus por meio da Igreja e por meio de Cristo Jesus, por todos os tempos e para todo o sempre! Amém!”. Porém a pergunta mais intrigante que nos fazemos é: O que é na verdade a eternidade? Ou o que seremos na eternidade? A luz do dicionário Aurélio, a palavra eternidade fica assim definida: Eternidade é a vida, para os crentes, após a morte”. Orlando Boyer, no Pequeno Dicionário Bíblico concorda com a definição de Aurélio, e usa uma linguagem mais poética quando diz: Eternidade é a duração sem princípio nem fim. Isto a grosso modo pode parecer não dar nenhuma idéia de como será o céu, mais na Bíblia nós os crentes estamos intimamente ligados a idéia de um céu real, lugar onde juntamente com Cristo, todos os salvos, passarão a eternidade. Assim, o céu é o lugar onde viveremos para todo o sempre. Céu é sinônimo de eternidade e a eternidade com Cristo é o céu. Qual é na verdade a nossa idéia a respeito da eternidade e do céu?

1.    O CÉU É UM LUGAR REAL
De fato, nós sabemos que, quando for destruída esta barraca em que vivemos, que é o nosso corpo aqui na terra, Deus nos dará, para morarmos nela, uma casa no céu. Essa casa não foi feita por mãos humanas; foi Deus quem a fez, e ela durará para sempre.” (2Co 5:1). Paulo fala do céu como um lugar real, aponta para o fato de que o céu não só é um lugar real, mais também um lugar onde faremos morada, habitaremos no céu munidos de um “corpo” melhor do que este em que habitamos na terra. Na terra, nosso corpo é comparado a uma “barraca”, no céu é visto como uma casa não foi feita por mãos humanas e que “durará para sempre” dando a idéia de “eternidade”.“Por isso gememos enquanto vivemos nesta casa de agora, pois gostaríamos de nos mudarmos já para a nossa nova casa no céu. Aquela casa será o nosso corpo celestial,” (2Co 5:2). Em referência ao céu, a Bíblia pode nos dar algumas ideais que provavelmente poderão esclarecer quanto a realidade de sua existência:
a)    Bençãos estão, para nós, guardadas neste lugar. “Assim esperamos possuir as ricas bênçãos que Deus guarda para o seu povo. Ele as guarda no céu, onde elas não perdem o valor e não podem se estragar, nem ser destruídas.” (1 e 1:4) “...Por isso, a fé e o amor que vocês têm são baseados naquilo que esperam e que está guardado para vocês no céu.” (Cl 1:5).
b)    Existem neste lugar coisas que devem ser foco de nossa atenção. “Vocês foram ressuscitados com Cristo. Portanto, ponham o seu interesse nas coisas que são do céu, onde Cristo está sentado ao lado direito de Deus.” (Cl 3:1)
c)    Existem indicações evidentes de alguma forma de “registro” de nomes de pessoas que “herdarão” e/ou “conquistarão” o céu. 
  •     “Porém não fiquem alegres porque os espíritos maus lhes obedecem, mas sim porque o nome de cada um de vocês está escrito no céu.(Lc 10:20)
  •      “...Os moradores da terra que desde a criação do mundo não têm os seus nomes escritos no Livro da Vida ficarão espantados quando olharem para o monstro. Ele estava vivo; agora não vive mais, porém tornará a aparecer.” (Ap 17:8)
  •      “Os nomes deles estão no Livro da Vida, que pertence a Deus.” (Fp 4:3)
  •      “Aqueles que conseguirem a vitória serão vestidos de branco, e eu não tirarei o nome dessas pessoas do Livro da Vida. Eu declararei abertamente, na presença do meu Pai e dos seus anjos, que elas pertencem a mim.” (Ap 3:5)
  •      “Todos os que vivem na terra o adorarão, menos aqueles que, desde antes da criação do mundo, têm o nome escrito no Livro da Vida, o qual pertence ao Cordeiro, que foi morto.” (Ap 13:8)
  •      “Quem não tinha o seu nome escrito no Livro da Vida foi jogado no lago de fogo.” (Ap 20:15)
  •    “Porém nela não entrará nada que seja impuro nem ninguém que faça coisas vergonhosas ou que conte mentiras. Entrarão na cidade somente as pessoas que têm o seu nome escrito no Livro da Vida, o qual pertence ao Cordeiro.” (Ap 21:27)
Se o céu é tão real, porque falamos tão pouco a respeito dele? Não há razão para duvidarmos deste lugar. Porque temos tanta preocupação em falar de coisas da terra, e quase sempre nos esquecemos do céu? O céu foi preparado para nós, que simplesmente escrevemos nossos nomes no Livro de Deus, através do sacrifício de Cristo Jesus na cruz do Calvário. A terra, é nossa morada momentânea, mais o céu, será nossa morada para toda a eternidade.

2.    O SEHOR JESUS COMPROVOU A EXITÊNCIA DO CÉU POR SUA ENTRADA NESTE LUGAR REAL.
“Depois de ter dito isso, Jesus foi levado para o céu diante deles. Então uma nuvem o cobriu, e eles não puderam vê-lo mais.” (At 1:9)
O céu, é o lugar para onde, segundo a Bíblia, o Senhor Jesus foi conduzido após sua ressurreição. O céu, também foi o lugar em que o mesmo Jesus prometeu para os seus discípulos, como sendo o lugar para onde Ele iria, e algum tempo após sua ida, voltaria para buscá-los para que eles estivessem no mesmo lugar que o Senhor Jesus Estava. E, depois que eu for e preparar um lugar para vocês, voltarei e os levarei comigo para que onde eu estiver vocês estejam também.” (Jo 14:3) Assim, temos provas mais do que suficientes para compreender e aceitar como real a existência do céu. Além disso podemos facilmente ver nas Escrituras fatos importantes ligando a pessoa do Senhor Jesus e Sua estada no céu.
a)    Jesus, no céu, está assentado ao lado direito de Deus. “A coisa mais importante de tudo o que estamos dizendo tem a ver com o sacerdote que nós temos: ele é o Grande Sacerdote que está sentado no céu, do lado direito do trono de Deus, o Todo-Poderoso.” (Hb 8:1) “O Filho brilha com o brilho da glória de Deus e é a perfeita semelhança do próprio Deus. Ele sustenta o Universo com a sua palavra poderosa. E, depois de ter purificado os seres humanos dos seus pecados, sentou-se no céu, do lado direito de Deus, o Todo-Poderoso.(Hb 1:3)
b)    Jesus, no céu, intercede a nosso respeito na presença de Deus Pai e, do mesmo lugar, o céu, governa o mundo inteiro. “que foi para o céu e está do lado direito de Deus, governando os anjos, as autoridades e os poderes do céu.” (1Pe 3:22) “Cristo não entrou num Lugar Santo feito por seres humanos, que é a cópia do verdadeiro Lugar. Ele entrou no próprio céu, onde agora aparece na presença de Deus para pedir em nosso favor.” (Hb 9:24)
c)    É do céu que o Senhor Jesus descerá triunfante para buscar a Sua Igreja para morar com Ele. “Elas contam também como vocês estão esperando que Jesus, o Filho de Deus, a quem Deus ressuscitou, volte do céu, esse Jesus que nos salva do castigo divino que está para vir.” (1Ts 1:10) “Porque haverá o grito de comando, e a voz do arcanjo, e o som da trombeta de Deus, e então o próprio Senhor descerá do céu. Aqueles que morreram crendo em Cristo ressuscitarão primeiro.” (1Ts 4:16) “e dará descanso a vocês e também a nós, que sofremos. Ele fará isso quando o Senhor Jesus vier do céu e aparecer junto com os seus anjos poderosos,” (2Ts 1:7)

3.    O CÉU É O NOSSO LUGAR REAL NA ETERNIDADE.
“Então nós, os que estivermos vivos, seremos levados nas nuvens, junto com eles, para nos encontrarmos com o Senhor no ar. E assim ficaremos para sempre com o Senhor.” (1Ts 4:17)
O maior tesouro prometido aos homens, não são os tesouros da terra. Na terra o homem pode até enriquecer e possuir muitos bens, mais o céu é o lugar onde nossos bens serão eternos. A grande diferença, é que para ser rico na terra, não é preciso necessariamente ser crente. Aliás, uma massa grandiosa de ricos na terra, não reconhecem a Jesus como Senhor de suas vida, no entanto são ricos e possuem muitos bens. Os maus são assim: eles têm muito e ficam cada vez mais ricos.” (Sl 73:12). Asafe por um momento também não entendeu isto, talvez, como nós, Asafe não estava pensando no céu, chegando ao ponto de desanimar em sua fé. “Parece que não adiantou nada eu me conservar puro e ter as mãos limpas de pecado.” (Sl 73:13). Quando nos esquecemos do céu, e só pensamos na terra, tendemos a achar que Deus nos desamparou, porque algumas pessoas, prosperam e enriquecem, outras passam por muitas dificuldades. “Então eu me esforcei para entender essas coisas, mas isso era difícil demais para mim.” (Sl 73:16). Se só pregamos a terra, achamos que o evangelho é somente para nos conduzir a usufruirmos dos “bens desta terra”. Tudo bem, Deus até prometeu para Israel que eles comeriam do melhor desta terra, mais para a Igreja, a promessa e de herdar o céu. Somente quando Asafe entendeu esta verdade, ele conseguiu viver toda a plenitude de Deus em sua vida. “Porém, quando fui ao teu Templo, entendi o que acontecerá no fim com os maus.” (Sl 73:17). O fim dos maus não é o céu, ele conseguiu entender isto. No céu, eu só tenho a ti. E, se tenho a ti, que mais poderia querer na terra?” (Sl 73:25). O céu é um lugar real onde Deus reservou a nossa morada. A terra é somente um lugar onde nos preparamos para esta “mudança”. Ainda que a minha mente e o meu corpo enfraqueçam, Deus é a minha força, ele é tudo o que sempre preciso.  Os que se afastam de ti certamente morrerão, e tu destruirás os que são infiéis a ti.  Mas, quanto a mim, como é bom estar perto de Deus! Faço do SENHOR Deus o meu refúgio e anuncio tudo o que ele tem feito.” (Sl 73:26-28)
Em fim, o céu é um lugar real e no céu nós vamos morar para todo o sempre. A respeito do céu podemos afirmar:
a)    No céu moraremos com Deus
A presença de Deus no céu é confirmado pelas expressões do salmista em vários de seus salmos sempre mostrando sua soberania e poder governante. “Lá do céu o SENHOR Deus olha para a humanidade a fim de ver se existe alguém que tenha juízo, se existe uma só pessoa que o adore.” (Sl 14:2). “O SENHOR Deus olha do céu e vê toda a humanidade.” (Sl 33:13)
b)   O céu foi preparado para nós.
Não só temos um lugar garantido pelo Senhor Jesus, como a Bíblia enfatiza que temos galardões e recompensas para receber quando ali chegarmos.. “Fiquem alegres e felizes, pois uma grande recompensa está guardada no céu para vocês. Porque foi assim mesmo que perseguiram os profetas que viveram antes de vocês.” (Mt 5:12)
Pede-se no entanto, aqueles que herdarão o céu, isto é, de nós, fidelidade a Deus e ao Senhor Jesus “Pois eu afirmo a vocês que só entrarão no Reino do Céu se forem mais fiéis em fazer a vontade de Deus do que os mestres da Lei e os fariseus.” (Mt 5:20)
Morar com Deus será o nosso destino final. Nossa eternidade será com Deus, onde Deus está. “Ouvi uma voz forte que vinha do trono, a qual disse: —Agora a morada de Deus está entre os seres humanos! Deus vai morar com eles, e eles serão os povos dele. O próprio Deus estará com eles e será o Deus deles.” (Ap 21:3). Jesus preparou um lugar para nós no céu através de seu sacrifício expiatório. “E, depois que eu for e preparar um lugar para vocês, voltarei e os levarei comigo para que onde eu estiver vocês estejam também.” (Jo 14:3).
c)    O céu foi conquistados para nós os salvos, por aquilo que nosso Salvador, o Senhor Jesus Cristo fez por nós na cruz do Calvário.
 Jesus é aquele quem comprou a nossa salvação pagando um preço muito alto, e somente através dEle poderemos chegar ao céu.“Aquela água representava o batismo, que agora salva vocês. Esse batismo não é lavar a sujeira do corpo, mas é o compromisso feito com Deus, o qual vem de uma consciência limpa. Essa salvação vem por meio da ressurreição de Jesus Cristo,” (1Pe 3:21). Nossa felicidade não está condicionada a terra, nossa felicidade está condicionada ao privilégio de através da obtenção da salvação em Jesus Cristo, termos o direito de entrar no céu “Felizes as pessoas que lavam as suas roupas, pois assim terão o direito de comer a fruta da árvore da vida e de entrar na cidade pelos seus portões!” (Ap 22:14)


CONCLUSÃO: “No céu, eu só tenho a ti. E, se tenho a ti, que mais poderia querer na terra?” 
(Sl 73:25)

Mensagem pregada no dia 11/12/2011
Igreja Batista Nacional Vale das Bençãos


























PREPARANDO-SE PARA O SERMÃO

SALA DE ESTUDO Antes de começarmos a desvendar todos os mistérios concernente o preparo do sermão propriamente dito, será de ...